Localização precisa vai ser utilizada em nova tecnologia de GPS

Por Nerd Start
Em Tecnologia
fev 15th, 2016
0 Comentários
177 Views

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Riverside, desenvolveram uma nova maneira de calcular o rastreamento dados do Sistema de Posicionamento Global (GPS). O sistema pode processar as informações de localização e dar uma resposta quase exata, com uma margem de erro de até alguns centímetros. O rastreamento mais preciso permitirá que diversos usuários acessem ao mesmo tempo os dados por meio de dispositivos móveis e vestíveis, sem aumentar a demanda de processamento.

Nova tecnologia de GPS

A tecnologia foi otimizada através da reformulação de uma série de equações que calculam a localização. Mas não foi só a precisão que chegou um em nível maior; com a reformulação das equações, o “esforço” computacional necessário para processar os dados foi reduzido. O estudo foi liderado pelo professor de computação e engenharia elétrica Jay Farrell, que publicou recentemente o novo sistema na IEEE’s Transactions on Control Systems Technology.

Nissan IDS é o carro autônomo conceitual mais próximo de um filme de ficção que você já viu

Segundo o professor, estes requisitos (precisão e desempenho) podem ser alcançados através da combinação de medições dos dados do GPS com uma unidade de medição inercial (IMU)* através de um sistema de navegação interna (INS). Nesse sistema combinado, o GPS fornece dados para alcançar alta precisão, enquanto o IMU fornece dados com mais taxas de “amostras” ao mesmo tempo que garante alta largura de banda de forma contínua – para não aumentar a demanda de processamento.

*O IMU é um dispositivo eletrônico que mede e grava dados específicos como força, ângulo ou campo magnético, combinando acelerômetro e giroscópio.

Essa tecnologia será usada para desenvolver veículos autônomos, já que estes tipos de carros necessitam de precisão nas ruas e rodovias para evitar acidentes. Além disso, o novo sistema de rastreamento pode ser adotado em operações marítimas e na aviação.

fonte.: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

facebook comments: