Conectadas à internet, caixa de som denúncia caso de violência doméstica

Por Nerd Start
Em Tecnologia
jul 10th, 2017
0 Comentários
19 Views

“Smart speakers” são caixas de som conectadas à internet que respondem a comandos de voz para realizar diversas funções. Nos EUA, esses produtos têm ficado cada vez mais populares, e um deles conseguiu interromper um caso de violência doméstica chamando a polícia sozinho.

A história aconteceu na cidade de Tijeras, no estado norte-americano do Novo México. Eduardo Barros estava com sua namorada e a filha dela em casa, na noite do último domingo, quando uma briga entre o casal levou o homem a apontar uma arma para a mulher e ameaçá-la de morte.

Em meio às ameaças, Barros teria dito “você chamou os xerifes?”, gíria relacionada à polícia da região. O smart speaker – que não foi especificado, mas pode ter sido um Google Home ou Amazon Echo, dois dos modelos mais populares dos EUA – ouviu essa frase e a interpretou como um comando de voz para ligar para o serviço de emergência, o 911.

As autoridades ouviram a briga pelo telefone e então moveram agentes policiais e até uma equipe da SWAT, o batalhão de operações especiais da polícia local, para interromper o caso de violência. Barros foi preso por agressão e pelo uso de arma de fogo como forma de intimidação. Ele mesmo explicou às autoridades como o smart speaker se envolveu.

Manuel Gonzales, chefe da unidade de polícia que conteve o agressor, disse que a namorada de Barros foi levemente ferida, mas que sua filha saiu ilesa. De acordo com ele, a situação poderia ter acabado muito pior se não fosse pela ativação acidental do smart speaker, que “possivelmente salvou vidas”, como reportou a rede de notícias ABC.

Não é a primeira vez que um dispositivo desses se envolve num caso de polícia. No estado norte-americano do Arkansas, por exemplo, um Amazon Echo tem sido tratado como possível testemunha numa investigação sobre um assassinato. Por outro lado, há também relatos de casos em que essas caixas de som inteligentes acabaram sendo ativadas por engano e chamando a polícia em situações totalmente aleatórias, mesmo quando não havia qualquer risco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

facebook comments: