Confira as seis funções essenciais de um monitor gamer

Por Nerd Start
Em Tecnologia
ago 25th, 2016
0 Comentários
272 Views

A taxa de atualização indica qual o número de vezes que uma imagem é renovada na tela de um monitor a cada segundo. Aparelhos convencionais utilizam a taxa de 60Hz, o que pode causar borrões na imagem e prejudicar a experiência em jogos com movimentos rápidos.

Seis funções essenciais de um monitor gamer

Os produtos voltados ao mercado gamer possuem números mais elevados, chegando até a 144 Hz, nível que garante uma perceptível melhora na imagem e deixa o jogo sem tremores – até 2,4 vezes mais rápido que um monitor comum. Para os consumidores que não podem adquirir um produto com essa taxa, existem opções com 75 Hz, que são superiores aos aparelhos convencionais.

2.    Tempo de resposta

Uma das funções mais importantes que define se um monitor pode ser considerado gamer é o tempo de resposta. Essa característica define a velocidade em que a luz é capaz de passar pelo painel. A medida é feita em milissegundos (ms) e, quanto menor o valor indicado, melhor.

A tecnologia mais avançada atualmente é a de 1ms, e isso significa ter jogos em velocidade sem rastros na tela para uma experiência mais aprimorada. Desta forma, movimentos rápidos e transições bruscas podem ser processadas sem problemas, com imagens suaves e sem os “efeitos fantasma”.

Além disso, um monitor com baixo tempo de resposta garante uma melhor performance do usuário no jogo, por proporcionar movimentos e comandos em tempo real – sem atrasos ou defeitos na imagem.

3.    Ergonomia

Cada tipo de jogo tem uma exigência diferente. O modo como o jogador se porta em frente ao computador é importante para que tenha a melhor visão e conforto. Por isso, a personalização da posição do monitor é muito importante.

Uma boa dica é que os consumidores se atentem à ergonomia do monitor e o quanto ele pode se movimentar no próprio eixo. Há modelos em que é possível ajustar a altura, o ângulo, o giro e deixá-los na posição pivot (na vertical).

4.    Tecnologias anti fadiga visual

Dificilmente um jogador consegue atingir um alto nível sem dedicar boas horas na frente da tela enquanto treina. Para que a atividade não prejudique a visão, o consumidor precisa checar se o monitor possui tecnologias anti fadiga visual.

O bem-estar de quem joga já se tornou um ponto essencial para quem fabrica os produtos. Há modelos disponíveis no mercado com muitas funções para aumentar o conforto visual dos gamers. A AOC, por exemplo, apresenta as tecnologias Anti-Blue Light, que reduz em mais de 90% as ondas curtas de luz azul que são prejudiciais ao olho humano (sem sacrificar as cores dos jogos), além da Flicker-free, que reduz a ondulação da tela para aliviar o desconforto durante longas horas de jogo.

5.    Conexões

Jogadores de alta performance buscam sempre o maior nível de conexão, o que melhora a qualidade de imagem e a velocidade da visualização das ações.

Além das tradicionais entradas VGA e DVI, também é comum nos modelos mais recentes a HDMI. Entretanto, os últimos e mais tecnológicos lançamentos apresentam a conexão Display Port, a mais moderna do mercado.

6.    Diferentes modos de jogo

Um monitor que permite a troca rápida de configurações, como brilho e cor, possibilita ao usuário selecionar qual a função que mais lhe beneficia em cada momento, alterando as configurações do monitor para se adequar a diferentes tipos de jogos.

Há opções no mercado em que o jogador deixa as configurações de preferência salvas e pode trocá-las facilmente apenas pressionando um botão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

facebook comments: